Transexuais são detidas após extorquir motorista e agredi-lo em Muriaé

Três transexuais foram detidos na noite desta terça-feira (17) após serem acusados de roubar e agredir um motorista na BR-356, na altura do viaduto.

Tudo começou depois que a vítima abordou um dos envolvidos, com o intuito de realizar um programa sexual. Ao perceber que não teria dinheiro suficiente para pagar o programa, precisou ir até o banco. A transexual chamou mais uma pessoa para ir e ao chegar no local, o renderam com uma gravata dentro do carro enquanto o outro agredia com socos.

Em seguida, eles realizaram um Pix forçado no valor de R$ 360 e depois fugiram sentido a um posto de combustíveis, próximo ao trevo da Chevrolet.

A Polícia Militar foi acionada e abordou os envolvidos no posto de combustíveis. Eles confessaram o roubo e foram levados para a Delegacia de Polícia Civil no bairro Safira. O terceiro envolvido que estava com a máquina de cartão em que a transação bancária foi realizada, mas não estava no carro, também foi levado. A Polícia Civil irá investigar o caso.

As informações são da Rádio Muriaé, associada AMIRT.

%d blogueiros gostam disto: