Situação da candidatura do ex-presidente Lula é comparada a do prefeito Galileu

A reportagem do site UOL foi publicada na quinta-feira passada, dia 19. A defesa do ex-presidente Lula quer usar a mesma brecha da defesa do prefeito Galileu, para que ele dispute as eleições presidenciais deste ano. Num trecho da reportagem, os advogados citam:

“Prefeito de Divinópolis, cidade a cerca de 120 quilômetros de Belo Horizonte, Galileu Teixeira Machado (MDB) havia sido condenado por fraude a licitação. Mesmo com o registro da candidatura indeferido, seu nome aparecia na urna e poderia receber votos, mas eles não eram
considerados válidos. A defesa de Machado, em razão de seu candidato ter sido o mais votado no pleito, foi ao STJ em 1º de dezembro de 2016, pedir a suspensão dos efeitos da condenação porque o crime já teria prescrito. Ela ainda citou que essa situação havia causado o indeferimento do registro da candidatura de seu cliente”, consta na reportagem do site. 

Apesar da tese de defesa, os juristas avaliam que a situação envolvendo o prefeito de Divinópolis é “mais simples” que a de Lula, já que não houve segundo turno, uma vez que a cidade tem um número inferior a 200 mil eleitores.

O post Situação da candidatura do ex-presidente Lula é comparada a do prefeito Galileu apareceu primeiro em Portal MPA.

Postado originalmente por: Portal MPA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: