Travesti é condenada por participação em homicídio na capital mineira

Uma travesti, de 27 anos, conhecida como “Dani” foi condenada na manhã desta terça-feira (23), pelo 2º Tribunal do Júri de Belo Horizonte a quatro anos de reclusão em regime aberto, pela morte de uma outra travesti, conhecida como “Vanessa”. O crime aconteceu em agosto de 2011, na região noroeste de Belo Horizonte. O conselho de sentença, formado por quatro homens e três mulheres, inocentou a acusada do crime de furto, condenando-a apenas pelo crime de homicídio simples.

Segundo a denúncia, o motivo do crime seria porque a vítima cobrava taxas pelo ponto de prostituição que a autora utilizava no bairro Santa Branca, região norte de Belo Horizonte, além de desentendimentos anteriores. O crime teria sido praticado por “Dani”, um cúmplice e teve a ajuda de um casal não identificado.

A vítima foi asfixiada com a alça da bolsa e agredida com marteladas na cabeça. Uma outra travesti, de 33 anos, conhecida como “Mel”, também seria julgada nesta segunda-feira (23). No entanto, ela teve o processo desmembrado. Como a autora está solta, ela poderá recorrer em liberdade. O julgamento durou cerca de 5 horas.

Foto: Raul Machado/TJMG

 

O post Travesti é condenada por participação em homicídio na capital mineira apareceu primeiro em Portal MPA.

Postado originalmente por: Portal MPA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: