Carmo do Rio Claro: Indiciado suspeito de abusar sexualmente de ex-enteado

Um homem, suspeito de abusar sexualmente do filho da ex-companheira em Carmo do Rio Claro, foi indiciado pela Polícia Civil. O inquérito do caso foi concluído na quinta-feira (28). Os abusos, de acordo com a Polícia Civil, foram cometidos no ano de 2013.

As investigações tiveram início depois que o Conselho Tutelar encaminhou até a polícia um relatório feito pela psicóloga do Creas. Nele, o adolescente, de 14 na época, relata os abusos sexuais sofridos pelo suspeito.

A vítima, que atualmente é maior de idade, revelou a Polícia Civil, que os abusos consistiam em toques nas partes íntimas e que não houve penetração. O rapaz revelou que demorou para dizer os abusos sofridos porque ele era ameaçado pelo suspeito.

A mãe do jovem disse aos policiais que percebeu a mudança de comportamento do filho e que ele não aceitava o relacionamento dela com o suspeito. Ainda de acordo com a Polícia Civil, o suspeito negou ter abusado sexualmente do ex-enteado. Além disso, a Polícia Civil também informou que o investigado foi indiciado por estupro de vulnerável praticado contra outra criança de Carmo do Rio Claro em 2021.

Ele confirmou aos policiais que ficou preso durante nove anos por estupro.

As informações são do Portal Onda Sul, associado AMIRT

%d blogueiros gostam disto: