Assembléia Legislativa de Minas Gerais pode proibir fogos de artifícios

A Assembléia Legislativa de Minas Gerais pode proibir a utilização e comercialização dos fogos de artifícios que faz muito barulho em todo o Estado.

Nesta quinta-feira (04) foi apresentado um projeto que proíbe o produto utilizado nas épocas de comemorações no final de ano.

Em hipótese de aprovação, os estabelecimentos comerciais que oferecerem os fogos vão poder receber multa de mais de  R$ 32 mil ou caso seja flagrado vendendo pode ocorrer interdição do comércio.

E quem comprar fogos de artifício com grande ruído poderá ser multado em R$ 16 mil por produto.

O objetivo é proteger os animais, que passam mal e até morrem com o barulho. Como o caso da cadela que faleceu em Cotia, São Paulo.

A ideia é que só seja permitida a venda  de fogos de artifício sem ruídos.

Anexos para downloads:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: