Secretário nega desentendimentos com o prefeito Gleidson e explica porque está deixando o cargo

Depois de 7 meses o governo Gleidson Azevedo sofre mais uma baixa. O secretário de Meio Ambiente Ezequiel Cilas Rodrigues pediu exoneração do cargo. O secretário deixará a pasta no dia 31 de julho. Durante entrevista ao programa Bom Dia Divinópolis, ele falou sobre a decisão de pedir afastamento, e sobre os projetos já executados.

Cilas estava no cargo desde a composição inicial do primeiro escalão em janeiro de 2021. Ele negou qualquer desentendimento com o prefeito Gleidson e enfatizou que sua saída é por motivos pessoais. Ele deixou o escritório de advocacia para assumir a função pública e quer novamente retomar os trabalhos na área do direito.

Cilas valorizou mais uma vez o trabalho de atuação das comissões como o CODEMA, e disse que tem o sentimento é de dever cumprido. Ele citou alguns avanços como os projetos de desburocratização na abertura de novas empresas, e a revisão da lei de uso e ocupação do solo, o projeto já foi enviado para Câmara. Segundo o ex-secretário a proposta é essencial para o desenvolvimento de Divinópolis.

Postado originalmente por: Portal MPA

%d blogueiros gostam disto: