Prefeito de Alpinópolis recebe ameaças após decretar lockdown para conter Covid-19

Mensagens trazia ameaças de morte contra a mãe do prefeito, que foi enviada por meio do Facebook

No dia 27 de maio, o prefeito de Alpinópolis, no Sul de Minas Gerais, Rafael Freire (PSB) recebeu ameaças virtuais após afirmar, durante entrevista a uma rádio local, que iria decretar lockdown para tentar controlar a situação da Covid-19 no município.

A ameaça foi enviada por meio do Facebook. Conforme o prefeito, após enviar as mensagens, o suspeito bloqueou o perfil. Desta forma, a Polícia Civil trabalha para tentar identificar o suspeito.

“Se você fechar a nossa cidade, eu e os traficantes que conheço vamos matar a sua mãe. Fica espeto, vacilão”, dizia a ameaça.

Mesmo com a ameaça, Freire manteve o lockdown dez dias na cidade, que se encerrou no último domingo (6).

“Mesmo assim eu não recuei, mantive o lockdown e fiz cumprir o decreto. A gente fica bastante assustado. Eu encaro mais com uma tentativa de intimidação. Acho que isso é mais blefe do que algo para ser colocado em prática, mas a gente não pode brincar com a sorte. Estamos há dez dias em casa e reforçamos os aparatos de segurança. Instalamos câmeras de segurança na minha casa e na casa dos meus pais e estamos nos organizando para enfrentar esse problema”, destacou o prefeito.

Alpinópolis fechou todos os estabelecimentos durante dez dias, inclusive os serviços essenciais, apenas com a exclusão dos serviços de atendimento de saúde. Os supermercados realizaram atendimento no sistema delivery.

Nesta segunda-feira (7), a cidade irá inciar a flexibilização gradativa dos estabelecimentos. As atividades comerciais poderão funcionar até 18h. Já bares, festas e eventos continuam proibidos.

 

Foto: reprodução/Instagram

Divinópolis

%d blogueiros gostam disto: