PF prende hacker que vazou dados de 223 milhões de brasileiros, em Uberlândia

PF prende suspeito após cumprir mandados em Minas Gerais e Pernambuco

Nesta sexta-feira (19), a Polícia Federal deflagrou a Operação Deepwater em Uberlândia, na região do Triângulo Mineiro. Durante a ação, um homem foi preso por vazar informações de 223 milhões de brasileiros na internet. Além de Minas Gerais, mandados também estão sendo cumpridos em Pernambuco.

Em Uberlândia, foi cumprido um mandado de busca e um mandado de prisão contra um hacker, de 24 anos, no Bairro Laranjeiras.

Com o suspeito, foram apreendidos um smartphone e um notebook. De acordo com as informações da PF, o homem será interrogado e encaminhado ao presidio da cidade onde ficará à disposição da justiça.

Conforme as investigações, o hacker é responsável por vazar dados de pessoas físicas e jurídicas como CPF e CNPJ, renda, imposto de renda, fotos de participantes do Bolsa Família e escores de crédito em janeiro deste ano.

A divulgação de parte dos dados foi feita gratuitamente. O restante das informações foram vendidas por meio de redes sociais, que poderiam ser adquiridas por meio de criptomoedas.

As ordens judicias foram expedidas pelo Ministro Alexandre de Moraes do Supremo Tribunal Federal, após a solicitação da PF.

 

Anexos para downloads:

%d blogueiros gostam disto: