Parceria vai desenvolver produção de vinho e azeite em Diamantina

A Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) assinou, juntamente com a Prefeitura de Diamantina, Associação dos Vitivinicultores e Olivicultores de Diamantina e Alto Jequitinhonha (Avodaj) e Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e  Mucuri (UFVJM), com apoio da Emater-MG, um protocolo para a cooperação entre os setores. O objetivo é estabelecer e executar projetos ligados à promoção da vitivinicultura e da olivicultura. Além disso, o documento também inclui ações de pesquisa, desenvolvimento e inovação e cooperação técnica e educacional. 

A assinatura ocorreu durante visita de comitiva do Governo de Minas a vinícolas da região. Assinado na presença do vice-governador Paulo Brant e do cônsul da Itália em Minas Gerais, Dário Savarese, o protocolo prevê, ainda, estreitamento de laços com a Itália, com o compartilhamento de conhecimentos na produção de vinhos e azeites.

Paulo Brant ressalta a potencialidade turística da região de Diamantina e lembra, também, que o Estado tem o papel de apoiar as iniciativas da sociedade dando aos empreendedores condições de trilhar caminhos para o desenvolvimento e a sustentabilidade. “Diante do potencial que temos, estamos satisfeitos por cumprir com esse papel, criando um ambiente mais propício para que o investimento ocorra”, afirma o vice-governador.

Desenvolvimento

A Avodaj, associação que conta com média de 15 produtores, já investiu valor entre R$ 10 milhões e R$ 15 milhões no estabelecimento de parreirais e vinícolas para a elaboração de vinhos finos na região  “Além dos parreirais, partimos agora para a olivicultura, com boas possibilidades de produção de azeite”, conta o presidente, João Meira. Com apoio da UFVJM, será implantado um olival, que funcionará como uma unidade demonstrativa da Epamig de produção de azeitona e azeite.

Reafirmando a parceria registrada pelo protocolo de intenções, o diretor técnico da Epamig, Trazilbo de Paula, relata que o projeto já está em execução. “Os produtores da região contam com os serviços da Epamig de acompanhamento do manejo dos parreirais que utilizam, em sua grande maioria, a técnica da dupla poda da videira”, diz. 

Apoio e fortalecimento

O prefeito de Diamantina, Juscelino Roque, realçou o poder da união e afirmou que o associativismo e o apoio mútuo são respostas para os desafios da atualidade. “Precisamos estar organizados. O trabalho por nossa cidade e região é uma rede. Dessa forma apoiaremos toda nossa Minas Gerais”, disse.  

Presente na visita, o comandante-geral da Polícia Militar de Minas Gerais, coronel Rodrigo Rodrigues, falou sobre a importância da atuação da polícia no meio rural, por meio do serviço Patrulha Rural, como uma força de manutenção da qualidade de vida do produtor. “Nossa presença significa a validação da sensação de segurança para o produtor trabalhar e escoar sua produção de forma que Minas seja um bom lugar para se empreender e viver”, assegurou. 

O momento contou ainda com a presença de convidados e autoridades estaduais e regionais. 

Quer saber as notícias do Aconteceu no Vale em primeira mão? Siga-nos no Facebook @aconteceunovale, Twitter @noticiadosvales e Instagram @aconteceunovale.

Postado originalmente por: Aconteceu no Vale

%d blogueiros gostam disto: