Minas Gerais é o segundo estado mais transparente, aponta estudo internacional

 

Um levantamento inédito no Brasil, realizado pela Transparência Internacional revelou que Minas Gerais é o segundo estado do Brasil com melhor índice de transparência e Governança Pública. A pontuação obtida foi de 90 de 100 possíveis. Além de avaliar os governos estaduais, a organização também analisa as informações prestadas pelos Legislativos estaduais e planeja publicar em agosto uma nova rodada com os dados das Assembleias Legislativas.

O estudo classificou como “ótimo” o cumprimento da maioria dos requisitos exigidos. No total, 84 critérios diferentes são avaliados e divididos em oito categorias. A nota final é obtida a partir da média desses itens, sendo eles: marcos legais, plataformas, administração e governança, transformação digital, comunicação, participação, dados abertos e transparência financeira e orçamentária, sendo este último o ponto com a pior avaliação no ranking: 57,3. Com exceção de marcos legais, que obteve nota 83,3 todos os demais receberam avaliação maior que 90.

Para os avaliadores, Minas pode aprimorar o seu resultado ao publicar dados detalhados sobre emendas parlamentares estaduais, obras públicas, e concessões de crédito e financiamentos. O primeiro colocado, Espírito Santo, por exemplo, tem apenas 3 critérios com pontuação máxima e nenhum com menos de 79,2 (transformação digital, no caso).

Veja, a seguir, o detalhamento das notas e o ranking completo:

%d blogueiros gostam disto: