LIVE da Amirt revela como emissoras podem entrar na economia digital e ganhar dinheiro com audiência

Thiago Fernandes revelou que ao ignorar pequenos detalhes tecnológicos as emissoras podem afastar anunciantes em potencial

A Amirt realizou um evento online ao vivo, nesta terça-feira (23), pelo canal da associação no YouTube. Durante a LIVE, as emissoras tiveram a chance de descobrir como se habilitar no plano de mídia do governo e trazer verba pública para seu streaming. Além disso, o evento, que aconteceu às 16 horas, contou com a participação de especialistas na área da tecnologia que deram diversas dicas para que as emissoras alcancem cada vez mais audiência.

Mayrink Junior, radialista, diretor do Sistema MPA e vice-presidente da AMIRT, foi o responsável por abrir a mesa e mediar a conversa ao longo de todo o evento. Ele conversou com os profissionais Thiago Fernandes, fundador da startup Nextdial, e Rodrigo Tigre, Country Manager na Cisneros Interactive. Mayrink pontuou na LIVE diversas questões pertinentes para as emissoras de rádio e as direcionou para os especialistas, que responderam a partir da sua experiência na área.

Rodrigo Tigre, com mais de 20 anos de experiência em tecnologia e vendas, trouxe importantes observações para os radialistas e agregou conteúdo relevante ao evento. Ele comentou, principalmente, sobre sua atuação em relação ao áudio digital, o potencial dessa área e como ele pode ser aproveitado pelas rádios. Além disso, Tigre abordou da questão de como as grandes empresas não vêem as rádios como espaço publicitário por focarem em anunciantes locais e revelou como as emissoras podem mudar este cenário.

Já Thiago Fernandes, que possui MBA em Engenharia de Software pelo ITA e especialização em Marketing pela ESPM, acrescentou na LIVE explicando como a Nextdial se relaciona com o trabalho das emissoras. Ferandes pontuou que, quando uma emissora não se atenta a pequenos detalhes tecnológicos, as informações do portal não são repassadas para que um sistema faça a segmentação e gere anunciantes para a rádio. Um exemplo que o profissional deu foi a falta de certificado digital nos portais, que acarreta no não recebimento do conteúdo nos segmentos e, assim, os ouvintes não são vistos como público potencial para uma campanha.

O vídeo completo com as observações dos especialistas está disponível no YouTube, confira:

 

%d blogueiros gostam disto: