Folias de Reis devem obter alvarás de circulação na Fundação Cultural

Folias de Reis de Uberaba devem obter alvará para a circulação e festas em comemoração ao Dia de Santos Reis, celebrado no próximo sábado. Neste período do ano o movimento de folias aumenta, uma vez que o Dia de Santos Reis é 6 de janeiro. E, para garantir a segurança dos foliões e outras questões, é preciso solicitar alvará na Fundação Cultural. A emissão do documento acontece no mesmo dia.
Segundo a historiadora da FCU Maria Aparecida Manzan, os representantes dos grupos devem procurar o Setor Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural (Sempac) e a emissão do documento é feita na hora. É preciso estar com o RG ou CPF do festeiro ou do capitão da folia, preferencialmente, e informar o dia, horário, local e hora da alvorada do grupo. “A nossa intenção não é gerar burocracia, e sim dar segurança ao grupo”, afirma a historiadora.
Até o momento foram emitidos cerca de 30 alvarás para festas no início de 2018. Um número pequeno, diante da quantidade de folias existente no município. Uberaba é, oficialmente, a cidade com o maior número de Folias de Reis cadastradas em Minas Gerais e no Brasil, com cerca de 140 companhias já registradas. E, além de oferecer segurança aos foliões, o alvará de circulação é uma forma de monitorar e mapear as folias ativas.
Contudo, é importante ressaltar que para festas que necessitam de fechamento de ruas ou que terão impacto no trânsito, os grupos de Folia de Reis também devem ter os respectivos alvarás e autorizações da Prefeitura. “O alvará de circulação não corresponde aos mesmos alvarás para fechamento de rua e demais necessidades. Os grupos precisam estar atentos e formalizarem os pedidos na Prefeitura, para que as festas ocorram sem problemas”, enfatiza.

Postado originalmente por: JM Online

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: