COLETIVA WANDERLEY DE MELLO CASO KAJANY

A justiça absolveu Kajany Gabriel dos Santos, de 27 anos de idade, acusado de matar o próprio pai o professor Kajany César Moreira dos Santos, de 59 anos, no dia 02 de dezembro do ano passado. O réu, diagnosticado com esquizofrenia paranoide, no entendimento do Juiz e do Promotor de Justiça, não tinha condições de saber o que estava fazendo no dia do crime. Ele está internado em um hospital psiquiátrico e deve permanecer no por tempo indeterminado.

Postado originalmente por: TV Poços

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: