Atlético tropeça na estreia e diretor de futebol promete “camisa 10”

O Atlético não fez a estreia que o seu torcedor esperava. O clube empatou em 0 a 0 diante do Boa na noite desta quinta-feira, em Varginha, no Sul de Minas.

Mesmo jogando fora de casa, o Atlético tentou se impor na partida nos minutos iniciais. Criou algumas chances, porém, o desentrosamento dos jogadores considerados reservas era nítido. Com o decorrer do jogo, o Boa cresceu junto ao apoio do seu torcedor que esteve presente em bom número e conseguiu certo equilíbrio da partida. Mas, as duas equipes estavam sem inspiração. Com o resultado, Atlético e Boa ficam na sexta colocação, cada um com um ponto.

VARGINHA / MINAS GERAIS / BRASIL 18.01.2018 Boa Esporte x Atlético no estádio Melão - Campeonato Mineiro 2018 - Foto: Bruno Cantini / Atlético
Falta de inspiração marcou Boa e Atlético na estreia do Mineiro (Foto: Bruno Cantini / Atlético)

Após a partida, como de costume, o técnico Oswaldo de Oliveira concedeu entrevista coletiva, mas junto a ele, o diretor de futebol Alexandre Gallo também falou. O diretor garantiu ao torcedor que o atlético ainda vai contratar um meio-campista, camisa 10, para esta temporada. Esta posição é a considerada mais carente no elenco Alvinegro.

O Boa volta a campo no domingo às 16h, contra o Villa, em Nova Lima. Já o Galo também joga no domingo, às 17h, contra o Democrata, no Independência, em Belo Horizonte.

Para este confronto, o Alvinegro deve jogar pela primeira vez no ano com a equipe considerada titular, além de marcar a estreia do Galo diante do seu torcedor. A partida vai contar também com a estreia de Roger Guedes e Ricardo Oliveira, considerados até então, os maiores reforços do clube neste ano.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: