Após ser declarado morto em 2004, policial é encontro vivo na Indonésia

Policial estava de plantão quando o desastre aconteceu em Aceh, região mais atingida pelo terremoto seguido de tsunami

Em 2004, um terremoto seguido de tsunami no Oceano Índico matou cerca de 230 mil pessoas. A tragédia atingiu Indonésia, Tailândia, Mianmar, Malásia, Índia e Sri Lanka, mas os reflexos alcançaram até a costa da África.

Abrip Asep entrou para a lista das vítimas, visto que estava de plantão quando o tsunami atingiu a província de Aceh, na Indonésia, uma das áreas mais devastadas.

Entretanto, o policial foi encontrado vivo em um hospital psiquiátrico após mais de 16 anos. A família recebeu a notícia depois que um parente de Abrip encontrou fotos nas redes sociais.

Foto: reprodução

“Eu não conseguia acreditar, quase 17 anos sem notícias e pensávamos que ele tinha falecido, não sabíamos que ele ainda estava vivo”, contou.

A polícia local confirmou a história e garantiu que o homem encontrado é mesmo Abrip.

Mesmo com os problemas mentais, adquiridos após o desastre, Abrip voltou a morar com a família e está com boa saúde, conforma informou a mídia local.

 

%d blogueiros gostam disto: