Advogado é suspeito de assassinar homem que fazia lanche com amigas em Lagoa Santa

Testemunhas contaram que o homem chegou “transtornado” na lanchonete. Advogado foi preso pela polícia

Um advogado foi preso suspeito de matar um homem em uma lanchonete, na noite desse domingo, no centro de Lagoa Santa, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

De acordo com a Polícia Militar (PM), a vítima é Luiz Fernando de Paula, de 30 anos. Ele fazia um lanche com três amigas em uma padaria 24 horas quando foi surpreendido pelo homem.

Testemunhas contaram que o homem chegou “transtornado” no estabelecimento. Em um primeiro momento, teria puxado conversa com o grupo de Luiz de forma amistosa. Mas, de repente, o advogado ficou agressivo e ele teria agredido a vítima.

A vítima teria reagido e o advogado teria sacado a arma e atirado contra Luiz.  Ele chegou a ser socorrida, mas morreu no hospital.

O advogado foi preso pela polícia e foi levado para a  delegacia de plantão de Vespasiano, também na Grande BH.

A arma utilizada pelo suspeito para começar o assassinato estava registrada e foi apreendida.

As informações são da Itatiaia – Associada Amirt

%d blogueiros gostam disto: