2ª fase da operação “Cavalo de Troia” da PCMG prende 13 pessoas em Entre-Rios de Minas, na região Central do estado

Na manhã desta última quarta-feira (23), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) com apoio da Polícia Militar realizou a operação “Cavalo de Troia II”, em Entre Rios de Minas. No total, 15 mandados de busca e apreensão foram cumpridos e 13 pessoas foram presas, sendo três em flagrante, todas na zona urbana do município.

A ação policial teve como objetivo combater os delitos de uma organização criminosa e tirar de circulação os indivíduos com envolvimento na associação. Durante a operação, também foi apreendida uma quantidade significativa de drogas, entre maconha e cocaína, cartões de banco, celulares, um simulacro de arma de fogo, um veículo, além de mais de R$ 5 mil em espécie.

De acordo com as informações da Assessoria de Comunicação do 13° Departamento de Polícia Civil, a investigação acerca dessa organização criminosa começou em novembro de 2021, quando ocorreu um homicídio em Entre Rios de Minas motivado pela disputa territorial pelo domínio do tráfico de drogas na região.

“Desde então a equipe policial em Entre Rios de Minas atuou de forma muito efetiva reunindo informações, e em 16 dezembro realizamos a primeira etapa da “Cavalo de Troia”, quando foram presos alguns membros dessa organização”, explica o delegado Lurizam Costa Viana, responsável pela investigação.

A operação contou com mais de 80 policiais civis e militares das cidades de Belo Vale, Congonhas, Carandaí, Conselheiro Lafaiete, Ouro Branco e Piranga, além do canil da Polícia Militar. Os suspeitos foram encaminhados ao Sistema Prisional em Congonhas, onde permanecerão à disposição da Justiça.

As informações são da Rádio São João Del Rei – Associada Amirt

Foto: Reprodução/Rádio São João Del Rei

%d blogueiros gostam disto: