10 regiões de Minas Gerais seguem na onda vermelha do Minas Consciente

O Estado registrou um aumento de 6,5% nos casos confirmados de coronavírus só na última semana

Nessa quarta-feira (13), o Comitê Extraordinário Covid-19 definiu que apenas a macrorregião Noroeste, que se junta a Norte e Triângulo do Norte, irá retornar para a onda amarela do plano Minas Consciente. A fase permite a abertura de alguns serviços não essenciais.

Sendo assim, as regiões Oeste, Centro, Jequitinhonha, Leste, Leste do Sul, Nordeste, Vale do Aço, Sudeste, Centro-Sul e Sul continuam na onda vermelha, ou seja, apenas o comércio essencial pode funcionar.

Já a macrorregião Triângulo Sul permanece na onda verde. Desta forma, o funcionamento de atividades não essenciais com alto risco de contágio do coronavírus são permitidas.

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, garantiu que essas decisões foram tomadas após a constatação do crescimento do número de casos de Covid-19 e também dos óbitos.

Em Minas, foi registrado um aumento de 6,5% nos casos confirmados em relação a última semana, além de um crescimento de 4,4% no número de óbitos nos últimos sete dias.

Zema ainda pediu para a população tomar as medidas de precaução, visto que os hospitais estão com uma ocupação muito maior do que no primeiro pico da pandemia.

 

Anexos para downloads:

%d blogueiros gostam disto: